Abono Salarial dos servidores públicos é aprovado na Câmara

Em sessão extraordinária na manhã desta quarta-feira (21), os vereadores aprovaram o abono salarial dos servidores públicos municipais. O Projeto de Lei elaborado pela prefeitura foi votado em caráter de urgência para que os servidores sejam beneficiados o mais breve possível.

IMG_9681
Os vereadores aprovaram por unanimidade e ressaltaram o quanto o funcionalismo público deve ser valorizado. “Entendemos que o momento é de crise e que as negociações entre Sindicato da categoria e prefeitura foram dentro do que é possível oferecer no momento. Esperamos que possamos votar em breve em reajuste melhor ao servidor, como já aconteceu em anos anteriores”, disse Edicarlos Candiani.
Já Ezequiel Alves de Oliveira falou sobre a dificuldade financeira que Itupeva enfrenta. “Acompanhamos a prestação de contas do poder executivo e sabemos do déficit de arrecadação. Gostaríamos que fosse oferecido ao servidor um abono maior, mas não é possível que seja feito agora”.
O diretor de comunicação do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Carlos Magno Serrano, acompanhou a sessão extraordinária e comentou sobre a agilidade na votação e as dificuldades em conquistar o abono. “É de grande importância esta sessão extra para aprovar o reajuste. Negociamos a proposta feita pela prefeitura e a assembleia votou a favor”, disse.

Câmara economiza e entrega R$ 1 milhão para Prefeitura

A Câmara de Itupeva faz economia e, em menos de seis meses, entrega R$ 1 milhão à Prefeitura. O prefeito Marcão Marchi, o vice-prefeito Alexandre Mustafa e todos os vereadores se reuniram na manhã desta quarta-feira (21) para o anúncio do repasse do valor.

Segundo o presidente da Câmara, Eri Campos, a austeridade com os recursos públicos é uma preocupação na gestão. “Foram diversas as ações para economizar. Melhoramos os contratos, diminuímos horas extras, cortamos gastos, tudo para que possamos entregar recursos para a Prefeitura e ajudar neste momento difícil que a cidade enfrenta”, afirmou, destacando medidas como a renegociação dos valores pagos para o abastecimento dos veículos da Câmara, diminuição de 50% no valor do contrato de internet e isenção de pedágio para carros oficiais, entre outras.

IMG_9851

“É um trabalho feito por todos os funcionários da Câmara e pelos próprios vereadores, que buscam a melhor gestão dentro de seus gabinetes. Agradeço a todos que contribuem para que possamos entregar este valor para ser aplicado nas demandas da Prefeitura e reforço o compromisso que temos de trabalhar juntos com o Executivo”, disse Eri Campos.

O prefeito Marcão Marchi agradeceu o emprenho dos vereadores em realizar economias e entregar um valor tão significativo à Prefeitura. “É um prazer estar aqui na Câmara, também tive a experiência de ser vereador e presidente da Casa e sei que temos que fazer um trabalho em conjunto. Este ato do Eri junto com os vereadores demonstra que estamos juntos por uma Itupeva melhor e mais forte”.

Já o vice-prefeito, Alexandre Mustafa, destacou as ações dos poderes públicos estão o trabalho que vem sendo realizado pelos poderes públicos municipais. “Está em nossas mãos a boa gestão da cidade, por isso estamos juntos com os vereadores. É através deste tipo de ação que mostramos como estamos economizando recursos e trabalhando por Itupeva”, salientou.

Os vereadores também destacaram o compromisso com a cidade e com a boa gestão dos recursos públicos. “Todos estão economizando e queremos trabalhar junto com a Prefeitura, porque é essa parceria que faz a cidade seguir enfrente”, disse Salvador Philomeno, que também já esteve na presidência da Câmara.

Abono Salarial será votado nesta quarta-feira na Câmara

O abono salarial dos servidores públicos de Itupeva será votado nesta quarta-feira (21) na Câmara Municipal. O presidente da Casa de Leis, Eri Campos, convocou sessão extraordinária para tratar o tema e agilizar o processo.

camara

“Após a votação, já encaminharemos para a Prefeitura de modo que o pagamento deste mês já seja com o abono. Estamos nos reunindo fora do calendário de sessões ordinárias justamente para atender o servidor público para que já receba nesse mês o abono salarial”, disse Eri Campos.

A sessão extraordinária acontece nessa quarta-feira às 11 horas.

Câmara vai apoiar Primeiríssima Infância

O presidente da Câmara, Eri Campos, participou de reunião com a equipe que organiza as atividades do programa Primeiríssima Infância e se comprometeu para contribuir com recursos.

19143225_744947719010271_4133161288643055733_o

“Com a economia que a Câmara faz de verbas e repassa para a prefeitura, podemos indicar que seja destinado para as ações programadas pelo Primeiríssima Infância, comentou Eri Campos.

De acordo com o presidente, as atividades garantem às famílias mais informação e qualidade de vida para bebês e crianças. “As ações visam cuidar do desenvolvimento e da saúde da criança desde a gestação até os três anos de idade. Sei da importância desta fase da vida e já acompanhei de perto o trabalho realizado pela equipe do Primeiríssima Infância. Sempre apoiei e quero continuar auxiliando, por isso coloco a Câmara à disposição”, afirmou.

Câmara realizará sessão extraordinária para votar abono salarial

Uma Sessão Extraordinária será realizada na próxima semana para votar o abono salarial dos servidores municipais. A notícia foi dada pelo presidente da Câmara, Eri Campos, em reunião nesta terça-feira (13) com os representes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Carlos Magno e Antônio de Oliveira.

DSC00157

“Estamos dispostos a agilizar o processo para que o abono já venha neste pagamento para todos os servidores. É nossa satisfação poder contribuir”, disse Eri Campos, ressaltando que os vereadores são procurados pelos servidores públicos para tratar do assunto.

Já os representantes do Sindicato destacaram que a visita à Câmara foi justamente para ouvir do presidente que sempre atende o sindicato e dar respostas aos questionamentos dos servidores. “Diariamente recebemos servidores querendo saber sobre quando o abono será concedido e agora a Câmara já nos deu uma resposta, o que nos deixa satisfeitos”, afirmou Carlos Magno.